19 de jan de 2016

O Coração e Suas Pegadinhas



Estive nas últimas semanas encarando suas fotos no meu quarto, lembrei de quando costumávamos  sorrir juntos. Hoje não conseguimos se quer ,conversar durante meia-hora sem discutir. Como isso pode ter acontecido? Como pude ser boba o bastante em achar que você seria diferente?

Ainda estou vagando , procurando uma nova porta a qual devo entrar, não posso errar o caminho agora. Mais um tropeço e estou fora. Deveria ter seguido a minha cabeça, e não meu coração. Infelizmente fiz a escolha de segui-lo, e ele acabou me trapaceando novamente.

Não pense que sinto falta de você. Só fui tentada a escrever isso,  para não me destruir aos poucos por dentro. Eu estava no fundo, dos mais fundos lugares sombrios do meu coração e conseguir sair de lá. Ninguém me resgatou, eu só dei conta que sou forte o suficiente para fazer isso sozinha.

Não  foi a primeira vez que me perco de mim mesma, e espero que seja a última. Tudo bem nem tudo é  culpa sua, na verdade boa parte das escolhas erradas foram minhas.  Mas sempre é  assim, o coração  e suas pegadinhas.

Não posso reclamar da minhas decisões, porque afinal foram as minhas decisões. O mais difícil de entender mesmo é porquê tudo que tínhamos de uma hora para outra virou só lembranças.  Tudo que tínhamos de precioso foi destruído por apenas um hábito. O hábito de se acostumar um com o outro.  

Ainda estou encarando suas fotos no meu quarto. Não sei porque ainda deixo elas aqui, talvez seja porque ainda te amo, ou porque eles retratam momentos felizes que passei. Que passei junto com você, momentos que nunca mais vão se repetir, mas, vão ficar guardados no meu coração. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© A Garota dos Teus Olhos - 2014/2017. Todos os direitos reservados.
Criado por: Luanne Oliveira.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo